AÇÃO CONTRA O PREFEITO      
Ministério Público pede à justiça bloqueio de bens do Prefeito de Guapiaçu por gastos irregulares que provocaram prejuízos
Sergio Clementino denunciou o Prefeito de Guapiaçu por dispensa irregular de
licitação e fracionamento de despesas que provocaram prejuízos ao município

     
Foto: Folha Regional
     
 
  Assine a Folha Regional
 
Sergio Clementino pede à justiça o bloqueio de bens do chefe do
executivo municipal e com aplicação de multas deve chegar a 1,2 millhão


     
*Da Redação      
       
Nesta última quarta-feira (19), o Prefeito de Guapiaçu, Carlos César Zaitune foi denunciado pelo Ministério Público por dispensa irregular de licitação e também fracionamento de despesa para não realizar concorrência, tudo relacionado ao ano de 2017. Na ação, o promotor Sergio Clementino pede à justiça o bloqueio de bens do chefe do executivo municipal e com aplicação de multas deve chegar a 1,2 millhão.
Na ação estão listadas 12 empresas, no processo consta despesas de diversos gastos fracionados autorizados por Zaitune, como fornecimento de equipamentos e manutenção de veículos do município no valor de R$ 79 mil, tudo em desacordo com a lei. Até gastos com asfalto são questionados na ação.
Se for condenado, o prefeito de Guapiaçu poderá ter suspenso os direitos políticos de cinco a oito anos por improbidade administrativa.

PONTOS DE VENDAS - CLIQUE AQUI!