SEGURANÇA PÚBLICA      
Sem Atividade Delegada quem perde é Guapiaçu,
Cedral que tem menos habitantes acabou de implantar
O programa prevê que Policiais Militares trabalhem nos horários de folga, pagos pela
prefeitura, para reforçar a segurança do município aumentando o efetivo policial

     
Foto: Arquivo pessoal
     
 
  Assine a Folha Regional
 
Com a implantação da Atividade Delegada o município de Cedral já conta com aumento do efetivo

     

*Da Redação
     
       
Enquanto a população de Guapiaçu ainda espera pelo aumento do efetivo policial, para reforçar a segurança do município, a cidade vizinha de Cedral, que tem uma população bem menor, implantou no mês de janeiro o Programa de Atividade Delegada. Esse Programa permite que Policiais Militares trabalhem nos horários de folga, remunerados pelo executivo municipal para reforçar a segurança da cidade.

Para a implantação do Programa que inicialmente é de 5 anos, podendo ser prorrogado, a administração de Cedral vai investir por meio de recursos próprios, mais de R$ 180 mil/ano.

O Projeto é realizado através de um convênio entre a Prefeitura e a Secretaria Estadual de Segurança Pública, que traz o aumento do efetivo policial e viaturas nas ruas da cidade inibindo ação de possíveis criminosos, combate ao tráfico de drogas e na fiscalização do trânsito, perturbação do sossego. Esse é um dos principais problemas de Guapiaçu, que tem aumentado e muito, principalmente na represa, mesmo com a instalação de placas de proíbido som, que é ignorada e incomoda moradores das redondezas.

Para começar a valer em Guapiaçu a documentação precisa ser encaminhada para o plenário do Legislativo Municipal e aprovado. Após aprovação poderá ser encaminhado para Secretaria de Segurança do Estado para assinatura. Um projeto importante, necessário e bem vindo por toda a população.

PONTOS DE VENDAS - CLIQUE AQUI!